Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2008

Fisioterapia na Saúde da Mulher... o que é isso??

Trazendo o post láááá do começo do blog pro topo, pois é sempre bom relembrar!!!!


Fisioterapia na Saúde da Mulher


Através de programas personalizados e especializados, a Fisioterapia na Saúde da Mulher visa promover melhora das condições físicas da mulher bem como de sua qualidade de vida. São quatro as sub-áreas da saúde da mulher:



Reeducação perineal
Conjunto de técnicas fisioterapêuticas utilizadas com o objetivo de melhorar e/ou promover o controle e a qualidade da musculatura do assoalho pélvico. Realizada principalmente no tratamento de incontinência urinária e fecal, pode ser usada também no tratamento da dor pélvica crônica, disfunções sexuais, aderência cicatricial pós-parto, etc.


Reabilitação pós-câncer de mama/ginecológico
Intervenções preventivas e reabilitadoras de condições pós-operatórias como linfedema, cordões fibrosos em braço e antebraço, dor, aderência cicatricial e restrição da movimentação.




Fisioterapia no climatério e menopausa
Prevenção e tratamento de condições como: …

A ''epidemia'' dos partos cirúrgicos

E viva os médicos!!! hehehe..


por Gilberto Dupas

Nos últimos meses, a comunidade médica dos obstetras agitou-se em razão das medidas tomadas pela Associação Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) procurando incentivar as mães a optarem pelo parto normal.

Corporativismo e onipotência à parte, estamos cansados de saber que a aliança entre interesses financeiros dos hospitais, conforto dos médicos e comodismo ou receio mal esclarecido das mães têm feito dos partos cirúrgicos, com seus riscos de intervenção de grande porte, uma verdadeira epidemia no Brasil.

É interessante lembrar que a hospitalização para o parto foi fato histórico-social traumático e prepotente. Ainda antes da anestesia e das técnicas mais elementares de assepsia - quando a internação tentou ser imposta como norma, rompendo uma tradição de milênios de partos feitos em casa e assistidos por mulheres experientes - as gestantes tiveram de ser "forçadas" à internação hospitalar e reagiram duramente. A …

Parto Orgásmico

por Ricardo Herbert Jones

Tanto quanto no sexo, existe muito mais no nascimento humano do que o que se pode encontrar no corpo e nas suas medidas. São indissociáveis as emoções e os sentimentos ao lado dos eventos mecânicos já conhecidos.

Parto orgásmico não só é possível como é muito mais comum do que parece. O debate pode ser recente, mas a possibilidade de se encarar o parto como um evento pleno de prazer é tão antiga quanto a própria humanidade.
É importante definir o que é «parto orgásmico», e para tanto começo por explicar o que ele não é. Parto orgásmico não é uma técnica ou um método. Parto orgásmico não é uma moda, uma «new fashion», uma onda. Parto orgásmico não é um produto, algo que se compra ou adquire. Parto orgásmico é um mergulho profundo no ser feminino. É a descoberta do prazer de parir; o segredo mais bem guardado, no dizer da parteira americana Ina May Gaskin.
É uma possibilidade para qualquer mulher desde que possa despir-se das capas de medo criadas pela cultura pa…

Bebê pélvico!!! E agora??

Ultimamente, algumas mulheres entraram em contato comigo para perguntar sobre o que fazer numa situação em que o bebê se encontra pélvico, ou seja, posicionado com o bumbum em direção à vagina (sentado). Geralmente esta é uma situação que leva à mulher ser submetida à uma cesárea... mas há alguns recursos que podem ser tentados antes.Vou colocar aqui alguns deles:

1. Moxabustão
É a acupuntura "térmica". O estímulo é feito através da queima de um bastão de artemísia. Esse bastão é aproximado ao local a ser estimulado, provocando no organismo reações fisiológicas parecidas com àquelas provocadas pelas agulhas.
Na gestante o bastão deve ser posicionado o mais próximo possível de cada dedinho do pé, com o calor dirigido para o ponto acima da unha do dedo, permanecendo aí por 20 minutos. O calor deve ser intenso, porém suportável.
2. Posicionamento
Há algumas posturas que, feitas diariamente estimulam o posicionamento correto do bebê. Eles devem ser feitos 3x ao dia, por pelo m…