Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2009

Barbie e o jogo dos 7 erros vezes dois

Peguei este texto da Roselene, mãe e super ativista! Achei demaaaaaaaais da conta! Como disse a própria Rose... essa Barbie aí é complemento da Barbie cesareada... que eu não duvido que seja inventada logo logo! Hunf...


Eu não sou xiita antiBarbie, juro. Eu confesso que gosto de Barbie. Então não me digam que o (meu) problema está na Barbie porque não está; o problema está nisto: "Barbie Real Profissões: Enfermeira de Berçário". Estou copiando pra ter certeza que é esse mesmo o nome e não sou eu que estou vendo coisas. Que não se trata de idéia fixa. Que não é implicância de ativista. E falando assim parece até que eu estou de brincadeira, mas eu estou é - como é mesmo, Rox? - obinubilada.

Se me disserem: Rose, vc não entendeu querida, este brinquedo é um jogo, sabe jogo de erros? Então. Ah, tá. Se é um jogo de erros, tudo bem. E do tipo fácil, né? Porque aí tudo é erro, não vejo uma única coisa que faça senso neste brinquedo. Vamos fazer uma listinha?


1. cegonha
2. enfermeira
3.…

Ano novo.... layout novo???

Não!! Eu não mudei o layout do blog para entrar 2010 num clima "tchan"... O que aconteceu é que eu estava editando algumas coisas, e quando fui usar o back percebi que ele não salvou tuuudo que deveria e  aí perdi (de novo!!) os links recomendados e os materiais para download que demorei meeeeeeeeeeses para encontrar e listar para vocês. Fora as imagens e outras coisinhas... Imaginem meu stress... X(


Então, já que vou ter que ajeitar (tudo de novo!) o blog, decidi também mudar o layout para um com 3 colunas para facilitar a visualização para vocês....

Depois de umas 3 horas procurando um template bacana, escolhi este!!Ainda estou aprendendo a mexer na  nova configuração.. então, não reparem na bagunça!! Já já pego o jeito, e as coisas voltam a ficar bacanas como antes, ok?!?!?

Mas me contem...o que acharam da nova "cara" do blog?? Eu achei que ficou mais chic e mais organizadinho... rss

Aproveito este post para deixar um "Feliz 2010" para todas leitoras dess…

Novos tratamentos contra a incontinência urinária

Passou ontem na Ana Maria Braga! Eu não assisti... mas foi dica de uma grande amiga.. a Ju Verardo!
Brigadão Ju!! Agora a reportagem também poderá ser vista por quem não estava em casa ontem de manhã! rs
Falam um pouco da fisioterapia... mas em crianças!!! Devemos lembrar que a fisio também é feita em mulheres, adultas... e o resultado é igualzinho!!!!!!


Quanto custa ter uma doula???

Este post é quase um "retweet"... hehehehe... 
Eu peguei da Ingrid, que pegou da Cintia.... Vale muito a pena ler!



Eu sempre falo que a pergunta deve ser outra, quanto custa não ter uma. E custa muito.

Pode custar o desespero nas últimas semanas da gestação, o sentimento da falta de apoio. Lembrem-se, gravidíssimas são emotivas por excelência - e ser taxada de aberração por desejar o natural é cruel.

Pode faltar o apoio simples para trocar o médico cesarista. Pode faltar alguém que didaticamente lhe ajude com os medos específicos do parto, um ombro amigo que não vai tentar lhe convencer que o corpo é defeituoso.

Pode custar uma ida precipitada à maternidade, que invariavelmente recairá numa série de intervenções - dolorosas, humilhantes e desnecessárias.

Pode faltar em TP alguém experiente, e que possibilite ao pai curtir o momento sem se preocupar em ser responsável. Pode faltar alguém com lide suficiente para lhe lembrar de comer e beber. Alguma sugestão de respiração, massa…

Cursos ONG Amigas do Parto

Estava aqui babando novamente nos cursos da ONG Amigas do Parto... e como não po$$o fazê-los, resolvi pelo menos divulgá-los aqui!!

Tem diversos cursos.... todos bacanérrimos, online e com tradução simultânea (a coisa é internacional, gentchiiii):
A Tenda Vermelha   Aleitamento Materno  Atendimento Obstétrico DomiciliarCuidados com o Bebê Doulas Humanização Online - Reciclagem e aprofundamento  Preparação ao Parto Psicologia da Gravidez, Parto e Pós-Parto
Nem preciso dizer que gostaria de fazer no mínimo uns três dessa lista toda! haahahah.. Mas já que eu não tô podendo financeiramente, que faça alguém que possa né?


Um beijo e bom estudo!

Absorvente e sexo podem evitar endometriose

Estudo, cujos resultados surpreenderam os pesquisadores, sugere que as mulheres que usam absorventes internos ou fazem sexo durante a menstruação teriam menos propensão de desenvolver endometriose. A pesquisa realizada com mulheres com e sem endometriose mostrou que aquelas que usavam exclusivamente absorventes internos eram menos propensas a ter a doença. Os resultados foram similares entre mulheres que mantinham relações sexuais pelo menos às vezes durante o período menstrual.
Contudo, as descobertas apenas estabelecem uma associação entre esses comportamentos e o baixo risco de endometriose, em vez de provar que o uso de absorventes internos e sexo na menstruação podem evitar a doença. "Pode-se dizer que... (as descobertas) abrem a porta para estudos futuros", disse o médico Harvey J. Kliman, da Universidade de Yale, em New Haven, Connecticut (EUA).
Kliman, o autor sênior da pesquisa, disse à Reuters Health que as descobertas de sua equipe eram "bastante surpreendentes…

6 cuidados para cuidar da região íntima feminina

Achei bacana essas dicas... e como meu público-alvo são as mulheres resolvi trazê-las para cá!


As mulheres costumam não relaxar quando o assunto em questão é a beleza. Investem em cremes e tratamentos para deixar a pele, as madeixas e o corpo mais bonitos. No entanto, tendem a não ter tantos cuidados com uma região bastante importante: a íntima.

"Têm de dar mais valor a ela. Além da questão da saúde, os homens prestam mais atenção nela do que nos cabelos, que recebem muitos investimentos", disse o ginecologista Eliano Pellini, chefe do setor de saúde e medicina sexual da Faculdade de Medicina do ABC. Em época de calor, praia e piscina, alguns cuidados são imprescindíveis.

Para evitar problemas, até mesmo na vida sexual, siga seis dicas simples listadas pelo médico:

1) Use sempre sabonetes com pH ácido (entre 3,5 e 5). Os sabonetes comuns têm pH alcalino, o que diminui a defesa natural e gera crescimento da quantidade de bactérias.

2) Mantenha a região arejada, porque o abafamen…

Sexo na gravidez: 10 posições prazerosas e confortáveis

Pra começar 2010 bem!!!


Algumas posturas são melhores para a grávida porque deixam a barriga à vontade. “É o caso da ‘colher’, em que o homem e a mulher ficam de lado”, sugere a sexóloga Laura Muller. Veja a seguir algumas sugestões para que o casal possa curtir os nove meses de uma forma divertida, diferente, gostosa e, claro, com muita sedução.




1. Em pé: Com o apoio da parede, o homem sustenta o peso da parceira, segurando-a pela parte posterior das coxas. É ideal para os primeiros meses da gravidez ou enquanto a barriga ainda estiver pequena. À medida que o útero cresce, a postura pode prejudicar a coluna.



2. De joelhos: Ele se ajoelha e ela fica apoiada em um dos joelhos. A mulher pode abraçar a cintura do parceiro com a outra perna. Essa posição é sugerida para os primeiros meses de gravidez (até o terceiro mês), quando o útero ainda não se dilatou muito.





3. Cachorrinho: Nesta posição, a mulher mantém a barriga totalmente solta, enquanto o homem, ajoelhado, controla a penetração.…

A médica e o quati

A reportagem que repasso hoje um diário de bordo de uma médica que foi um achado aqui em Campinas. Além de ser obstetra a favor do parto normal (siiiim, aqui em Campinas!!!!!!!), topou se embrenhar na Amazônia e fazer parte de uma missão como ginecologista voluntária da ONG Expedicionários da Saúde.
Linda!!
Vale a pena ler...


Priscila Huguet conta de seus dias entre índios na Amazônia como ginecologista voluntária




Este é o relato de minha expedição à Amazônia de 30 de outubro a 8 de novembro de 2009. Fiquei na comunidade São Pedro, às margens do rio Andirá, como ginecologista integrante da ONG Expedicionários da Saúde. Foram dias de muita tensão e desconforto, mas também de muita emoção. Ao final de tudo, me sinto super recompensada e já penso em voltar.

Leia a matéria completa.... AQUI!


Notícias de Natal: Artigo aprovado!

Notícia mais que boa!! Depois de mais 6 meses de espera recebi a notícia de que um artigo que escrevi junto com a Fisioterapeuta e Doula Gabriela Zanella e a equipe do Grupo de Parto Alternativo foi aprovadooooooo!!!

O tema foi "O fisioterapeuta como profissional de suporte à parturiente"... É uma revisão dos recursos que nós fisioterapeutas podemos usar para ajudar as mulheres a darem à luz mais tranquilamente.

Espero que este artigo sirva de base para mais artigos e pesquisas nessa área tão linda que é a Fisioterapia Obstétrica!

Obrigada a todos que trabalharam nesse artigo e também me apoiaram!

Agora vai o print screen para provar de que tudo isso é verdade!!!! É só clicar para aumentar!!!



É 2009 terminando de um jeito bão que só!! rsssss....
E aproveitando que o Natal já está aí gostaria de desejar a  todos leitores deste blog e a todas mães, pais,bebês um FELIZ NATAL!!! Cheio de alegria, amor, comilança, presentes, saúde, leite, ternura, etc etc etc...





A fisioterapia nas disfunções do assoalho pélvico

Na quarta-feira passada, participei da II Jornada de Fisioterapia do CAISM. Fui rever umas colegas e também dar uma atualizadinha no conteúdo..rs. A programação não estava muito interessante (os temas foram meio batidos), mas a primeira palestrinha sobre disfunções do assoalho pélvico foi bacana embora super curtinha... E me baseando na aula e em anotações atualizadas vou falar rapidinho então da fisioterapia nessa "área"...
Bom... a fisioterapia nas disfunções do assoalho pélvico consiste em treinamento da musculatura do assoalho pélvico (MAP), no treinamento vesical, na eletroestimulação e na reeducação postural.
As indicações de fisioterapia são variadas: incontinência urinária de esforço (quando se perde xixi ao tossir, dar risada ou pegar algo pesado), incontinência urinária de urgência (quando dá aquela vontade louca de fazer xixi, mas não dá tempo de chegar ao banheiro), bexiga hiperativa (quando a bexiga mal recebe urina, ela já libera), dor pélvica crônica (qualquer d…

Video de PD Lindo!

Hoje vou postar um belo vídeo de PD. A publicação dele foi autorizada!!
Estrelando... uma colega doula, fonoaudióloga e agora mãe do Felipe, nascido em casa, hoje com 3 meses e 11 dias.

Deliciem-se!





PREPARAÇÃO PARA O PARTO: PRECISA?

Recebi via e-mail e achei bacana compartilhar!
Muitos beijos



          O parto é um evento orgânico que qualquer animal pode realizar sem conhecimento prévio, então, para que se preparar? Seria uma boa questão se nós fôssemos apenas animais e não seres humanos. Existe uma parte de nosso cérebro, a parte mais primitiva, que faz com que sejamos completamente aptos a exercer a função capaz de realizar estas funções. No entanto, o homem adquiriu a capacidade de pensar e, aliada a esta, adquiriu a fala e toda construção cultural. A cultura se encarregou de transmitir, de mãe para filha, todo o conhecimento e sabedoria acumulados durante milhares de anos sobre a gestação e o parto. A ciência, por sua vez, contribui para ajudar os casos em que nem tudo dava certo de forma espontânea, bem como conhecendo as questões básicas de higiene e cuidados, muitas vidas têm sido salvas em situações desfavoráveis. No entanto, com as informações e intervenções médicas, a sabedoria popular foi perdendo seu …

Blog para assuntos difíceis... Psicologia da Gestação

Hoje vim divulgar um espaço novinho em folha, criado para discutir e apoiar mães e casais que estão sofrendo com a notícia de que seus bebês têm alguma anomalia ou então que faleceram. O assunto é trash??? É sim! E por isso deve ser tratado com bastante carinho!!
Um amigo meu (o Pedro, psicólogo e ativista do PN) decidiu montar um blog para dar essa assistência para quem precisa e também pra quem só quer se manter informado. Por enquanto o blog está em fase de desenvolvimento, mas acho que já vale a pena dar uma passadinha por lá.
Certeza que o Pedro vai gostar de receber sugestões.....


Fica a dica: Psicologia da Gestação - Apoio e discussão sobre anomalias fetais, aborto e óbito fetal!


Renata na boca do povo???

Neste final de semana, eu ia fazer um curso bem bacana na Universidade Gama Filho, em SP. Ia ser um curso de "Exercícios em bola suiça para gestantes", que eu tava namorando há um tempão.. mas infelizmente não tive tempo (leia: falta de grana....rsss)

Pois bem... me conformei que ia perder o curso, pus na cabeça que em outra oportunidade eu faria e fui curtir meu final de semana chato, frio e chuvoso...

Maaaaas, para minha surpresa hoje a Mara (uma doula, colega minha) veio me contar que foi nesse mesmo curso, que foi ótimo... e o melhor: que falaram de mim lá!!

Falou que tinham várias meninas que me "conheciam" da internet.. que sempre passam aqui pelo bloguinho (êêêêê.... ele serve pra alguma coisa!!), que me elogiaram e até falaram de mim para a professora do curso!

Geeeeeeente, será que eu sou famosa e não sei? (Alguém quer autógrafo??..kkkkkkkkkkk)

Ela não lembra de muitos nomes... então nem vou citá-los pra não ficar feio, caso sejam errados!! Mas quero agradecer…

Explique por que ocorrem tantas cesáreas no Brasil

Gentem... olha que bacana esse plano de aula (de geografia!!!!) publicado na revista Nova Escola.





Bases Legais
Ciências Humanas e suas Tecnologias

Conteúdo
Política e cultura: fronteiras

Objetivos
Mostrar que critérios de saúde não são os únicos levados em conta quando se opta por fazer um parto cesariano.

Introdução
O Brasil é um dos campeões mundiais em partos cesarianos. Para cada três bebês que vêm ao mundo em terras verde-amarelas, um nasce por intermédio desse tipo de cirurgia. VEJA informa que muitos casais agora também optam por determinar a data exata em que os bebês deixam o útero materno. Numerologia, efemérides e até compromissos sociais - inadiáveis - são os parâmetros para tal capricho. Chama a atenção o fato de que o procedimento virou quase uma regra nas maternidades privadas. Por que tanta gente de maior poder aquisitivo não aceita esperar pelas contrações que anunciam o trabalho de parto? Leia a reportagem com a turma e apresente o cenário atual do nosso sistema público…

Livro mostra histórias das parteiras do Brasil

Tipo assim... eu quero!



A jornalista Ellien Antonieta Saccaro lança o livro A vida pede passagem: o parto e as parteiras tradicionais na noite da próxima terça-feira (8 de dezembro). Ellien fez viagem ao Maranhão e presenciou a rotina de 14 parteiras na capital e em regiões litorâneas do estado.

“A ideia do livro nasceu da constatação da existência de milhares de parteiras em atuação no Brasil, paralelo ao alto índice de cesarianas observados no País”, conta a autora. Com dados de organizações não-governamentais (ONGs) e Associação de Parteiras do Maranhão, é possível estimar cerca de 30 mil parteiras no Brasil.

 Partos

O livro é uma reflexão do modelo adotado nos hospitais, da prática da cesárea, dos partos normais com aceleração artificial, das intervenções desnecessárias (de acordo com a Organização Mundial da Saúde – OMS). “Eu passo pelo caminho da humanização do parto para que o leitor veja que as parteiras cumprem os preceitos da humanização do parto desde sempre” observa Ellien.

Resposta de um fisioterapeuta ao ATO MÉDICO!

O texto não tem nada sobre saúde da mulher, gestação e parto..... mas refere-se à Fisioterapia e ao abominável Ato Médico... e por isso, acho que se encaixa perfeitamente ao blog!



"Caros senhores favoráveis ao Ato Médico,
Se o grande problema é "prescrever" , por favor, preciso que me prescrevam um tratamento fisioterapêutico para um paciente de 45 anos com uma tendinopatia crônica do tendão do músculo supra-espinhoso, apresentando calcificação no tendão. Ele apresenta história ocupacional de trabalho com elevação dos membros superiores acima do nível da cabeça (é vendedor de loja de roupas).
Como é ex-jogador de voleibol, desenvolveu lesão do nervo supra-escapular, que culminou numa atrofia do músculo infra-espinhoso. Devido a distúrbios hormonais, desenvolveu osteoporose. Na avaliação, apresentou restrição da mobilidade da cápsula posterior do ombro, fraqueza dos músculos rotadores internos do úmero (grau 3), além de fraqueza de serrátil anterior e trapézio fibras infe…

Fisioterapia ajuda muitos a melhorar a qualidade da vida sexual

 A reportagem é antiga, mas tá valendo!!




Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a felicidade sexual é uma condição inseparável da questão da saúde, pois a falta de prazer pode desencadear múltiplos problemas, como uma constante tensão e mau-humor, depressão, insônia, entre outros. Por isso, tratar problemas ou dificuldades sexuais é de suma importância para a qualidade de vida das pessoas.
A fisioterapia urogenital é uma área específica para tratamento de problemas ligados a região de assoalho pélvico. O tratamento tem se tornado um dos poucos recursos terapêuticos com alto grau de resultados positivos para homens que sofrem com a ejaculação precoce.
O tratamento fisioterapêutico tanto para homens como para mulheres tem grande sucesso quando os pacientes se comprometem em seguir as recomendações e estão de cabeça aberta para mudanças no seu relacionamento conjugal, diminuindo suas ansiedades e temores para manter um equilíbrio sexual contínuo e prazeroso.
A fisioterapia urogenit…

Conduta e Ética da Doula

Por Mara Freire  

Atuar como doula é algo que requer muita responsabilidade, amor e respeito ao mais profundo sentimento da mulher.




A doula também muitas vezes acompanha e orienta no pós-parto e aleitamento, nos cuidados com o recém-nascido; às vezes, nas próprias tarefas domésticas ou apenas só ouvindo o desabafo da mulher. A doula dá apoio e acolhimento, evitando assim que muitas mulheres tenham depressão pós-parto, situação que muitas vezes torna-se um agravante na vida não só delas como de toda a sua família, trazendo muito sofrimento a todos, principalmente ao bebê.

A doula deve ter convicção de tudo o que é preciso fazer, para que neste momento tão importante da vida de uma mulher, ela possa passar segurança, firmeza e muito carinho.

È necessário que a doula estude bastante e tenha conhecimento de como agir em várias situações, inclusive em casos de emergência, providenciando ajuda especializada, para evitar assim que a vida e saúde dessa gestante e seu bebê sejam postas em risco…