Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

O Renascimento do Parto - Trailer

Aiii, quero muuuuito ver esse filme por completo!!! Vai ser demais!!



Lançamento do longa metragem (90 minutos) em março de 2012!
O filme "O Renascimento do Parto" retrata a grave realidade obstétrica mundial e sobretudo brasileira, que se caracteriza por um número alarmante de cesarianas ou de partos com intervenções traumáticas e desnecessárias, em contraponto com o que é sabido e recomendado hoje pela ciência. Tal situação apresenta sérias conseqüências perinatais, psicológicas, sociais, antropológicas e financeiras. Através dos relatos de alguns dos maiores especialistas na área e das mais recentes descobertas científicas, questiona-se o modelo obstétrico atual, promove-se uma reflexão acerca do novo paradigma do século XXI e sobre o futuro de uma civilização nascida sem os chamados "hormônios do amor", liberados apenas em condições específicas de trabalho de parto.

Com a participação especial do cientista Michel Odent, do ator e diretor de cinema M…

Feliz Haloween!!

Feliz Halloween! Especialmente pras minhas doulandas e ex-doulandas fofolindas! Imagem: Google

Qual máquina você quer?

Quando você quer comprar uma máquina de lavar roupa, o que você faz?  Procura saber tudooo sobre máquina de lavar roupa, certo?  Procura modelos, vê vantagens, desvantagens, tamanho, sabe quantidade de água que gasta, de energia, quanto vai pagar por cada modelo, pergunta pra conhecidos sobre as máquinas deles, ouve coisas boas e coisas ruins, descobre que os modelos tradicionais estão ultrapassados , que a sua mãe comprou uma que era uma porcaria e se arrependeu... enfim, fica expert em máquina de lavar e então escolhe a que você quer, a que pode pagar e a que vai te fazer feliz e sanar todas suas necessidades, não é?A busca por um parto humanizado é igualzinho! Assim como a máquina, você não deve ficar com o primeiro modelo que te oferecerem! Não se contente com a primeira oferta!! Corra atrás, se informe, compare, escute, ouça, pesquise..... só assim poderá se dar a melhor opção!

Sinais de trabalho de parto

Vejo muitas mulheres indo aos hospitais achando que estão em trabalho de parto, e quando chegam lá são mandadas de volta para casa. Nem todo obstetra explica quais são os sinais que a gestante terá e isso a deixa confusa e insegura, fazendo com que acabe indo pra Maternidade muitas vezes sem necessidade. Então resolvi falar um pouco sobre os sinais de trabalho de parto, e qual é a hora de ir para o hospital. Antes de tudo, é importante avisar que muitas mulheres possuem pródromos, ou seja, sinais de que o parto está próximo, e que muitas vezes são confundidos com trabalho de parto efetivo. Nos pródromos, a mulher pode sentir dores em lombar e baixo ventre, perceber a barriga mais baixa, ter aumento de secreção vaginal (que muitas vezes é confundida com ruptura da bolsa) e também tem as contrações uterinas, que apesar de incomodarem não tomam ritmo e somem depois de um tempo. É uma fase que gera ansiedade, e faz com que muitas vezes a mulher vá e volte do hospital várias vezes! É o famos…

Porque é sempre bom lembrar.....

Riscos potenciais da cesárea por indicações não médicas

Estava aqui dando uma lida na aula de "Parto normal e cesárea" que damos lá no MadreSer, e quando cheguei nos slides dos riscos potenciais pensei que seria legal compartilhar com vocês alguns dados.. E então, trouxe o conteúdo dos slides para cá! Antes de ver os riscos, vale lembrar que "cesárea por indicações não médicas" é aquela cesárea realizada sem a menor necessidade, por comodidade do médico ou da mãe, sem levar em conta o bem-estar fetal e todos os outros fatores associados a uma cirurgia. Bom... então vamos lá...
RISCOS A CURTO PRAZO
- 4,5 vezes maior o risco de complicações cirúrgicas graves (hemorragia severa, necessidade de re-operação, infecção pélvica, pneumonia e septicemia).
- 1/3 das mães podem ter problemas como febre, hematoma, infecção no trato urinário, do útero ou da ferida cirúrgica, paralisia do intestino ou da bexiga (Goer’s Henci, 1999)
- Dobro do risco de ser re-hospitalizada
- Maior dor e debilidade no pós parto, repercutindo na relação c…

Relato DUPLO: Parto natural hospitalar

O relato de parto de hoje é especial: é duplo! Com versão da mamãe e do papai! Fiquei muuuito feliz com as palavras que Andréia e Bruno escreveram. É muito gostoso ter reconhecimento desse trabalho que faço com muito amor, e que fica ainda melhor com a parceria da obstetra e amiga, Priscila Huguet! Queridos, muito obrigada pela confiança e oportunidade de vivenciar esse momento com vocês! Beijo no coração!! E vamos logo parar com o falatório e partir pra parte legal!!

Relato da mamãe
Meu parto, meu sonho!

Bom, que alegria poder dividir este sonho alcançado.

No inicio da minha gestação, tive muitas dúvidas, como por exemplo, a escolha do meu médico, pois queria um profissional que apoiasse minha decisão de ter um parto natural. Tive a sorte de encontrar uma profissional que entendeu minha necessidade e me apoiou.

Confesso que a teimosia foi a minha amiga mais fiel, pois não encontrava apoio em meus próprios familiares com relação ao tipo de parto que deseja ter. Todas as vezes que conve…

Transporte seguro da gestante

Estava fuçando no site da Sociedade Brasileira de Pediatria quando encontrei um artigo sobre dicas de trânsito seguro para gestantes! Como nunca tinha lido nada a respeito, resolvi trazer pra cá e compartilhar com vocês o texto! Espero que gostem!
Não existe nenhuma legislação específica sobre como a gestante deve se portar no trânsito e o que se vê é que algumas futuras mães recusam-se a usar o cinto de segurança, porque pensam que em uma colisão ele poderá machucá-las e ao seu filho. As responsabilidades como condutora de veículos e obediência às leis do tráfego são idênticas em gestantes e não gestantes.
A melhor proteção para a mulher e seu filho é, comprovadamente, o cinto de segurança.
Evitar dirigir nas seguintes situações: episódios freqüentes de vômitos, náuseas e câimbras.ameaça de abortamentoapós longos períodos de jejum, devido ao risco de hipoglicemia, quando tontura,sonolência, falta de atenção e até desmaios podem ocorrer.em dias muito quentes, pela chance maior, neste pe…

Andador: perigoso e desnecessário

Hoje conversando com uma amiga sobre andador, tive a idéia de trazer pra cá o alerta do Departamento de Segurança da Sociedade Brasileira de Pediatria sobre esse utensílio que é suuuuuuuper comum de ser encontrado (e comprado!). Como fisioterapeuta eu já não gostava de andadores... sempre me pareceu uma ferramenta que faz com que os bebês fiquem "preguiçosos"... afinal, pra quê trabalhar o equilíbrio, o ficar em pé, e o caminhar, se o andador faz isso tudo sozinho, sem ter que usar força? Os bebês são espertos! E o alerta da SBP, só me faz acreditar mais nessa minha visão!
Vou copiar aqui alguns trechos do alerta que achei importante ressaltar:
"É verdade que o andador confere independência à criança. Contudo, todos os especialistas em segurança infantil justamente insistem que um dos maiores fatores de risco para injúrias físicas é dar independência demais numa fase em que a criança ainda não tem a mínima noção de perigo. É consenso que a capacidade de autoproteçã…